Vale-Livro

VALE-LIVRO

 

 

A FLIFS é a mais antiga e a maior feira literária do Estado da Bahia, com uma visitação estimada em torno 50.000 pessoas. Durante as doze edições realizadas, a FLIFS tornou-se uma referência potencializadora na formação do leitor e no incentivo ao gosto pela leitura, resultando-a, em seu reconhecimento, como Patrimônio Cultural Imaterial do Estado da Bahia, pela Lei n. 13.934 / 2018.

A consolidação da FLIFS respalda-se numa perspectiva de política pública implementada a partir de ações/atividades desenvolvidas, sistematicamente, em várias frentes de trabalho, efetivadas por seus organizadores.

Nesse sentido, importante ação de democratização de acesso ao universo literário é a distribuição do VALE-LIVRO. Essa ação é executada desde 2010. Iniciada durante a 3a edição, o benefício é resultado do esforço e empenho mantidos pelo diálogo e negociação com as instâncias governamentais, a fim de garantir e manter a distribuição desse Vale ao estudante da rede pública de ensino, haja vista a necessidade sine qua non de que a formação de leitores decorre, também da promoção do acesso aos livros.

O VALE-LIVRO é distribuído entre estudantes e professores da rede pública de ensino básico do Estado da Bahia, envolvendo o Núcleo Territorial de Educação – NTE 19 – e a Secretaria Municipal de Educação de Feira de Santana.

Com o Vale em mãos, estudantes e professores adquirem livros nos diversos stands instalados no espaço da FLIFS. São editoras, livrarias e distribuidoras de livros cadastrados em sistema operacional destinado ao atendimento de 7.000 pessoas.

Em 2015, houve significativa melhoria no atendimento ao público beneficiado com essa política: automação na distribuição e uso do VALE-LIVRO, que corresponde à criação, à manutenção e à atualização do sistema PROLIVRO. Coordenado pela UEFS, o Vale passou a ser confeccionado no ato do cadastramento do usuário, possibilitando o acompanhamento in loco, desde a sua emissão até o uso pelo estudante ou professor.

O PROLIVRO também tem as seguintes garantias:

 

  • o VALE-LIVRO é pessoal e intransferível;
  • dificulta o mau uso e possíveis fraudes na comercialização do Vale para outros fins;
  • a livre escolha do livro pelo usuário;
  • a transparência do uso dos recursos públicos investidos na aquisição de livros pelos professores e alunos.

 

Além da rede pública de ensino da educação básica, a distribuição do Vale -Livro, beneficia, há três anos, também estudantes envolvidos no Projeto Universidade para Todos – UpT/UEFS; e, desde 2018, o Projeto de Extensão Alfa Garis (que atua em parceria com a empresa que realiza a limpeza pública de Feira de Santana).

Desse modo, a formação de leitores realizada pela FLIFS, a partir do VALE-LIVRO assume uma conotação ainda mais acentuada de política pública, constituindo-se em uma ação continuada do evento, por se ter significativo número de professores e estudantes atendidos.

Devido a pandemia da COVID-19, nesta Edição Especial, o Programa VALE-LIVRO não será realizado em 2020, haja vista a suspensão das atividades presenciais nas redes públicas de ensino do Estado da Bahia.